Quem é que não gosta das músicas do Charlie Brown Jr? Para relembrar bons momentos dessa banda que eu particularmente gosto muito, hoje é dia de curtir um tributo pra lá de top na Thekilla.

O Tributo ao Charlie Brown Jr. será com Bruno Graveto, ex baterista do CB Jr. e atual Strike, acompanhado da banda Long Beach 64, que chama atenção pela semelhança do seu vocalista Luiz Long Beach com o eterno, Chorão!

Presença garantida também da Banda DKcinco com aquela vibe boa que vocês já conhecem.

INGRESSOS ANTECIPADOS:
PISTA – PROMOCIONAL: R$ 20 + tx (ESGOTADOS)
AREA VIP – PROMOCIONAL: R$ 25 + tx (ESGOTADOS)

PISTA – 1º LOTE – R$ 30,00
ÁREA VIP – 1º LOTE – R$ 35,00

CENSURA: 18 ANOS
Realização: twm entretenimento
Informações: 11 98451-0368

**Valores já considerados como meia entrada, e com desconto promocional para o público em geral. 

VENDAS ONLINE: https://appticket.com.br/tributo-charlie-brown-jr-com-bruno-graveto-cbjr-e-strike

Você não vai ficar de fora né?

 

SOBRE A BANDA CHARLIE BROWN JR

Charlie Brown Jr. foi uma banda brasileira de rock formada em Santos no ano de 1992. As canções da banda misturavam vários gêneros musicais como o hardcore punk, reggae, rap, funk rock, rock alternativo e skate punk, criando assim um estilo próprio e original. Suas letras faziam diversas críticas à sociedade, além de uma abordagem da perspectiva do universo jovem contemporâneo. Todos os membros da banda eram naturais da cidade de Santos, exceto o vocalista Chorão, que nasceu em São Paulo.

No dia 6 de março de 2013, o membro-fundador Chorão faleceu em seu apartamento em São Paulo devido a uma overdose de cocaína e álcool. Os membros remanescentes da banda decidiram não mais usar o nome Charlie Brown Jr., assim mudando-se para A Banca, na intenção de preservar a memória de Chorão com o antigo nome e homenageá-lo. Porém o novo grupo se extinguiu já em setembro, quando na madrugada do dia 9, após pouco mais de seis meses da morte de Chorão, o baixista-fundador do Charlie Brown Jr. e vocalista d’A Banca, Champignon foi encontrado morto em sua casa, em São Paulo, com grande probabilidade de suicídio.

Em julho de 2015, um levantamento da plataforma de streaming Deezer revelou que o Charlie Brown Jr. é a segunda banda brasileira de rock mais ouvida no exterior, atrás apenas do Sepultura. Em Setembro de 2015, levantamento similar da Billboard Brasil divulgou uma lista similar com 47 brasileiros, e o CBJr. apareceu na 31a posição, o quarto grupo (depois do Sepultura, Natiruts e Tribalistas).