A Original Penguin chegou ao Brasil em 2009 e, após passar por uma reformulação de suas operações no país, atualmente está sob o comando da Ragabesh e Co. – mesmo grupo que cuida das marcas Hang Loose, Onbongo, Ecko Unltd e Lapsi.

Hoje, com 250 pontos de vendas, a marca visa a comercialização de sua linha masculina em pontos exclusivos por todo o país, nas melhores lojas de multimarcas.

 

Histórico

A Original Penguin nasceu em 1955, pouco tempo após Abbot Pederson, um de seus representantes, se deparar com uma vitrine de um taxidermista em NY. Nela haviam vários pingüins empalhados e ele resolveu comprar um, ao qual logo deu o nome “Pete”, tornando-se símbolo da marca.

A inspiração inicial de Pederson para esta nova empreitada foi o golfe, esporte amplamente adotado pela classe média de alto poder aquisitivo da época, que freqüentava elegantes subúrbios e exclusivos country clubs.

Não demorou muito para que a Penguin se tornasse uma espécie de marca registrada e símbolo de status desse grupo, do qual integravam nomes famosos do cinema, televisão e política como Arnald Palmer, Bob Hope, Bing Crosby, Frank Sinatra, Ronald Reagan e Richard Nixon. Em matéria de estilo, era saudada como uma manifestação do legítimo sportswear americano.

 

Penguin No Mundo

O primeiro lançamento da Original Penguin foi a tradicional pólo golf t-shirt nos Estados Unidos que tornou-se um ícone por muitos anos. Em 1996 a marca foi comprada pelo grupo Perry Ellis International.

Antes disso, já era conhecida por ser patrocinadora de muitos jogadores tops do golf, no período dos anos 60 aos 70. A marca deu continuidade a esta herança e atualmente patrocina o jogador top-20 Aaron Baddeley. Veste celebridades como Brad Pitt, Johnny Depp, Taylor Swift, Adrian Grenier, Jake Gyllenhaal, Adam Brody, Matthew McConaughey, entre outros.

Todas as coleções são vendidas on line e nas principais lojas de departamento de NY, como Neiman Marcus, Saks Fifth Avenue e Urban Outfitters. Também são comercializadas em lojas próprias, incluindo NorthPark Center (Dallas), Bryant Park, a nova loja pop up na Greene St (NY), Melrose Avenue (Los Angeles), Fashion Island (Newport Beach), Califórnia, Rush Street (Chicago) e na Lincoln Road (Miami Beach), além do grande sucesso na América Latina (Chile e Argentina) – destacando a flagship em Palermo Viejo (Buenos Aires) – mais os vários países da Europa, entre eles Londres, na Covent Garden, e África do Sul.

Duas linhas compõem a Original Penguin: Original Label – roupas masculinas, femininas e infantis, moda praia, calçados, relógios, óculos de sol, bolsas e gravatas e Black Label – também conhecida como Original Penguin Golf, linha masculina com design inspirado no golf, vendida apenas on line.

Recentemente marca esteve presente na série Mad Men, da emissora HBO, que retrata exatamente o período em que se tornou símbolo americano e internacional. Também está no figurino de outras séries como The O.C, Heroes, How I Met Your Mother e Gossip Girl (fenômeno em termos de lançamento e divulgação de tendências dentro do perfil de seus consumidores).

 

Nova Fase

A Original Penguin renasceu em 2001, quando Chris kolbe, ex-gerente da Divisão Masculina da Urban Outfitters, expert em merchandise e desenvolvimento de produtos, convenceu o grupo Perry Ellis a apresentar a marca para um mercado cada vez mais interessado em peças vintage (a moda com safra, como um bom vinho), com muito estilo e bom humor, porém mantendo a tradição da marca – uma reminiscência dos tempos do golfe, pré-Tiger Woods. O relançamento aconteceu em 2003 e foi um sucesso.

As peças da marca, identificadas mundialmente pelo seu “penguinzinho”, conquistam consumidores com o mix infalível de básico+ charme vintage – também conhecido pelo estilo “preppy”, o retrô americano inspirado nas roupas dos colegiais. Tudo isso gira em torno de um ícone: a camisa pólo com corte mais correto, produto de grande importância da marca. A linha de camisaria também ganha destaque com detalhamento exclusivo nos punhos, t-shirts com estampas “updated”, sempre com um sutil toque de humor, paletós com ares vintage, calças clássicas revisitadas de forma moderna com tecidos especiais e vários acessórios contemporâneos.

Focada no publico de 18 a 45 anos, a Original Penguin é fiel ao seu estilo clássico, porém com um apelo extremamente contemporâneo com suas estampas e tecidos. Pode ser usada por um homem executivo em seu momento de trabalho, até um jovem adolescente em diversão. Homens que buscam não um modismo, mas uma marca onde seu gosto pessoal reflete na sua forma de vestir, seus interesses, personalidade e estilo de vida.

 Posicionamento da marca

A Original Penguin tem um posicionamento de mercado extremamente favorável, comparado a outras marcas importantes e levando em consideração o status de grande conceito de moda e ótimos preços de venda ao consumidor final.